Edição: 2017201620152014201320122011
Marcos Alberto Berfante

A EMPRESA
A Megalaser foi fundada em 2006, atuando no segmento de cortes a laser em chapas de aço carbono inox ou alumínio, teve sua primeira operação em abril de 2007 em um terreno de 4.000m² e uma área construída de 500m² com cinco funcionários e apenas uma máquina laser.

Apenas após três anos de existência viu sua área construída saltar para 1.360m²e 40 funcionários, atuando em diferentes setores com duas máquinas laser TRUMF para um processo de fabricação mais complexo. No início, trabalhava com uma demanda de 20 toneladas/mês de chapas de aço e, hoje, já vê esse número aumentar para uma demanda de 350 toneladas/mês de chapas de aço, atendendo clientes de diversas áreas como agricultura, petrolífera, alimentícia, mineradoras e indústrias automotivas, construção civil, entre outras.

Atualmente, a empresa conta, além da matriz, com uma fi lial, ambas localizadas no Distrito Industrial.

O PROJETO
Devido a um acidente ocorrido com um funcionário (um corte no antebraço), foi constatada a necessidade da substituição do então atual EPI utilizado pela empresa, e, dessa forma, possibilitar mais segurança para todos os colaboradores da Megalaser.

A SOLUÇÃO
Analisando o acidente ocorrido, o EPI luvas DuPont™ Kevlar® foi colocado para os testes de conforto, resistência e durabilidade, detectando especificações muito importantes para o dia a dia do trabalhador, como punho elástico mais justo, podendo modelar à necessidade do funcionário, com a modelagem tipo reversível de maior durabilidade, excelentes resultados quanto a rasgos e cortes, melhor aderência ao manuseio de peças, aumentando, também, reforços nos polegares até o dedo indicador, além da possibilidade de lavagem e higienização.

O RESULTADO
Após a substituição do EPI anterior pela luva de DuPont™ Kevlar®, pode-se constatar que o punho dos colaboradores permanecia, desta vez, totalmente protegido, evitando a repetição de acidentes como o ocorrido anteriormente, além de aumentar o conforto e a resistência para quem a utiliza. Essa decisão impactou também na diminuição de custos da empresa, pois o consumo mensal em reais era menor e a durabilidade muito maior, em comparação à luva de vaqueta utilizada anteriormente.